Logo da Kemin cercado por objetos de esporte e comidas naturais e saudáveis.

January 21,2019

Transição nutricional – Que tal começar um novo ano aplicando um novo conceito em sua vida?

A chegada de um novo ano faz as pessoas refletirem sobre os acontecimentos do ano passado e também sobre o que vem por aí... são muitas as promessas para o novo período de 365 dias que temos pela frente, dentre as quais, ganhar dinheiro e criar hábitos saudáveis estão entre as principais dos brasileiros.

Mas, o que esses dois tópicos podem ter em comum? 

Cifrão de dinheiro feito com alimentos naturais e saudáveis.

Quando juntos, eles nos levam ao processo de TRANSIÇÃO NUTRICIONAL, o qual se refere às mudanças sociais e econômicas que exercem influência no perfil nutricional de uma população.

O Brasil vive um momento de intensa transição nutricional, porém, ela ocorre de forma preocupante. Para entender melhor, veja os dados abaixo:

  • Aumento de 3,9 milhões de pessoas na classe média, com renda R$1.819 e R$7.278, totalizando 53% da população brasileira.
  • Aumento de 110% no número de pessoas com obesidade entre 18 e 24 anos nos últimos 10 anos. Além disso, 18,9% da população das capitais brasileiras está obesa e 54% está com excesso de peso.
  • 57% da população vive em cidades com mais de 100 mil habitantes, os chamados centros urbanos, os quais representam apenas 5,7% do total de municípios do Brasil.

Com os dados levantados acima pode-se dizer que a população brasileira está tendo maior poder aquisitivo, concentrando-se em centros urbanos e se tornando obesa. Mas será que esses fatores tem alguma ligação entre si?

A resposta é sim! 

Garoto dizendo sim como resposta ao conceito de transição nutricional que ocorre no Brasil.

A concentração de pessoas em cidades e aumento do poder aquisitivo tende a mudar os hábitos alimentares, ou seja, ocorre um processo de transição nutricional. Porém, da maneira como está ocorrendo, leva ao aumento dos níveis de doenças relacionadas à obesidade e sedentarismo, como hipertensão e diabetes.

Para retratar todo esse processo que estamos vivendo, o fotógrafo americano Gregg Segal criou o projeto Daily Bread, o qual mostra os efeitos na alimentação de crianças baseados na migração para as cidades e no aumento de renda em diversas partes do mundo (Se você ainda não viu, vale a pena buscar no Google!). Por incrível que pareça, crianças separadas por milhares de quilômetros parecem ter feito compras no mesmo mercado. Na alimentação destes, incluem-se alimentos com altos teores de açúcar, sal e gordura. 

Criança indiana comendo pizza. Faltam ingredientes naturais na dieta das pessoas.

Qualquer semelhança entre a alimentação de uma criança americana, indiana ou brasileira não é mera coincidência!

Vale lembrar também, que uma educação de qualidade pode gerar impactos no processo de transição nutricional, visto que uma população consciente dos problemas gerados pela má alimentação tende a desenvolver hábitos mais saudáveis.

Com todo esse cenário, será que nós podemos levar à uma TRANSIÇÃO NUTRICIONAL positiva?

A resposta é definitivamente SIM! Os nossos hábitos podem e devem ser uma escolha nossa, ou seja, opte por alimentos mais saudáveis, por ingredientes naturais, por exercícios físicos constantes e por informação educativa de qualidade!

Comece seu ano vivendo uma TRANSIÇÃO NUTRICIONAL e permitindo que seus ganhos financeiros te levem a resultados positivos em sua saúde... esses dois tópicos podem e devem andar juntos de maneira positiva e depende de você!

 

Referências:

Jornal Folha de São Paulo. 29 de agosto de 2018. Link: https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/08/mais-da-metade-da-populacao-brasileira-vive-em-5-das-cidades-do-pais.shtml

Jornal Folha de São Paulo. 23 de setembro de 2018. Link: https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2018/09/projeto-retrata-alimentacao-de-criancas-em-diferentes-paises-e-compara-habitos.shtml

Revista Valor Econômico. 10 de maio de 2018. Link: https://www.valor.com.br/brasil/5515501/estudos-apontam-que-ate-900-mil-pessoas-deixaram-classes-e-b

Revista Saúde. 9 de maio de 2018. Link: https://saude.abril.com.br/blog/alimente-se-com-ciencia/transicao-nutricional-um-fenomeno-que-esta-impactando-o-mundo/

Ministério da Saúde. 18 de junho de 2018. Link: https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2018/08/mais-da-metade-da-populacao-brasileira-vive-em-5-das-cidades-do-pais.shtml

Imagens: Shutterstock